O que é "nutrologia"? 

Por Dr. Paulo Francisco Masano

A Nutrologia tem como principal objetivo prevenir, diagnosticar e tratar enfermidades nutroneurometabólicas do ser humano. O médico nutrólogo, juntamente com os profissionais de áreas afins, trabalha pela saúde física e mental do indivíduo, pela manutenção das funções e capacidades orgânicas e, especialmente, pela prevenção de doenças e pela terapêutica nutrológica. É responsabilidade dos médicos nutrólogo diagnosticar e tratar as doenças nutricionais, que incluem as condições nutroneurometabólicas de alta prevalência nos dias atuais, como obesidade, hipertensão arterial e diabete melito. Para isso, recorrem à solicitação e à avaliação de exames diagnósticos, quando necessário, bem como à identificação de padrões alimentares inadequados e hábitos de vida ou estados orgânicos que estejam contribuindo para o quadro nutricional do paciente, já que as inter-relações entre nutrientes e medicamentos e de mecanismos regulatórios orgânicos são complexas.

 

Também cabe ao nutrólogo informar o paciente de que a ingestão do nutriente não assegura o seu aproveitamento pelo organismo e esclarecer que a informação nutricional é fundamental tanto para a diminuição do risco de doenças como para a promoção da saúde e do bem-estar. Além disso, o profissional deva lembrá-lo de que o comportamento alimentar – a distribuição dos alimentos ao longo do dia e os intervalos entre as refeições – e as escolhas alimentares influenciam os mecanismos regulatórios endógenos.

 

A literatura médica a respeito da Nutrologia, juntamente com a nutrição e as ciências da nutrição, é crescente, o que tem permitido formar um contingente de condutas nutrológica para detectar, prevenir e tratar as enfermidades nutrometabólicas.

 

Ao lado de outros profissionais da saúde, os nutrólogo ajudam a estimular o combate ao sedentarismo e a adoção de hábitos alimentares saudáveis e a prevenir e tratar doenças crônico-degenerativas, o que, consequentemente, contribui para diminuir as taxas de internação e permanência hospitalar.